Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


A saída

por RG, em 15.01.06
Análise aos factores que determinam o sucesso, ou não, de um encontro a dois:
(Com base num cenário de uma saída à noite)

A companhia
O elemento mais importante. A base para uma saída próspera, passa pela escolha acertada da pessoa com quem vamos sair.
Se existir um empatia natural entre ambos. Se o diálogo decorrer de uma forma fluida. Se houver uma partilha de energia positiva, então é provável que, independentemente de qualquer percalço, a noite seja à partida bem rentável.
Se pelo contrário, a química entre os 2 estiver muito em baixo. Se os assuntos puxados à baila, não forem muito do agrado um do outro. Se houver a sensação que uma das pessoas, ou até mesmo ambas, estão ausentes do encontro. Então, é bem provável que a noitada acabe mais cedo do que o previsto.

O programa
Existem várias combinações, mais ou menos habituais, possíveis:
Jantar+Copo+Cinema
Jantar+Copo+Disco
Café+Disco
Jantar+Teatro
Bowling+Corrida tunning+Ceia
Bingo+ Passeio pelo cemitério+Roulotte das bifanas
Etc., etc., etc. (Conforme os gostos).
Aqui, se o par tiver preferências idênticas, ou se as personalidades forem suficientemente maleáveis e abertas, para se adaptarem aos interesses de quem planeou a saída, fará com que o programa seja uma experiência agradável e quiçá a reter na memória por muito tempo.
Caso contrário. Se for constatado que afinal os gostos diferem muito. Que um gosta de alhos e o outro de bugalhos, e que os feitios não são dados a novas experiências que possam ser propostas(dentro do razoável claro), aí a noite estará destinada ao fracasso.

A interacção
É o factor chave do encontro.
Uma sintonia de ideias, uma cumplicidade de acções, é tudo o que é preciso para que a saída corra harmoniosamente.
É igualmente importante, ser respeitado o “espaço” da nossa companhia. A balança deve estar equilibrada, no que se refere ao tempo de fala do par (mesmo que sejam mudos).
A imposição da sua vontade, por um dos elementos. A sobreposição do discurso. O querer controlar por completo a saída, a vontade de impressionar a todo o custo o outro, normalmente não resulta eficazmente.
É provável que a outra pessoa se sinta constrangida, e que tão cedo não queira repetir a experiência (ou então não, porque há gente para tudo).

A despedida
É a forma de sabermos o resultado final da saída.
Se a relação existente é apenas de amizade, então um trocar de palavras elogiosas sobre como correu a noite, significa que a mesma correu bem e dentro da normalidade.
Se existia uma intenção de proximidade afectiva, palavras carinhosas, e mesmo umas beijocas mais íntimas, são sem dúvida sinais positivos de uma saída bem conseguida.
Se a expectativa do encontro, era acabar numa rambóia de contacto físico, nesse caso despedirem-se só no dia seguinte após o pequeno-almoço, pode ser um indício que tudo correu pelo melhor.
Se em vez de qualquer uma destas hipóteses, o que se passou foi um fugir a sete pés na altura da despedida, de um dos intervenientes, deixando no ar a típica frase: “ Não te preocupes em me ligar, que eu depois ligo-te”, então é porque a saída correu tudo, menos bem.

RG

All night long...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:27


Onde o concreto e o abstracto se encontram.

Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Janeiro 2006

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031



Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2007
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2006
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2005
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D